Tag: Adequan Global Dressage Festival (AGDF)

Nos EUA, André Ganc e Último de Massa mantêm nota no segundo GP do conjunto

André Ganc e o puro sangue lusitano Último de Massa finalizaram seu segundo teste de grande prêmio juntos com 61,174%, pontuação parecida com a da primeira prova do conjunto na semana passada quando somaram 61,826%. Ganc está disputando CDIs 3* no Adequan Global Dressage Festival (AGDF), em Wellington (Florida, EUA). Ao comentar seu desempenho, o cavaleiro, que também é juiz nacional, disse que a prova teve altos e baixos. Leia mais

André Ganc, nos EUA, e brasileiros em Portugal disputam CDIs nesta semana

Nesta semana, quatro brasileiros disputam concursos internacionais de adestramento (CDIs) com meta de alcançar os requisitos mínimos de elegibilidade (MER, na sigla em inglês para minimum eligibility requirements) e conquistar a vaga individual para representar o Brasil nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 (leia todas as matérias). André Ganc volta às pistas do Adequan Global Dressage Festival (AGDF) em Wellington, Flórida (EUA), enquanto os irmãos Luiza e Pedro Tavares de Almeida, da equipe Rocas do Vouga, e João Victor Oliva, da Coudelaria Ilha Verde, competem no CDI 3* de Cascais, em Portugal. Leia mais

Mirando Tóquio, André Ganc estreia em GP com Último de Massa no AGDF

André Ganc estreou, nesta quinta-feira (20/02), em prova de grande prêmio (GP) com sua mais nova montaria, o puro sangue lusitano Último de Massa. O conjunto competiu em CDI 3* na sétima semana do tradicional Adequan Global Dressage Festival (AGDF), em Wellington (Florida, EUA), e ficou na 15ª posição (de 22 concorrentes) com média final de 61,826%. “Achei as notas justas. Foi muito produtiva a prova e [recebi] muita informação útil. Fiquei no meio da tabela e, por ser o primeiro GP do cavalo e a minha primeira prova com ele, não posso reclamar. Agora vou ter, finalmente, uma semana de treino até a próxima prova”, contou ao Adestramento Brasil. Leia mais

Por vaga em Tóquio 2020, brasileiros competem em Cascais e Wellington

João Victor Oliva, da Coudelaria Ilha Verde, e os irmãos Luiza e Pedro Tavares de Almeida, da equipe Rocas do Vouga, estão inscritos para competir no CDI 3* de Cascais, em Portugal, enquanto André Ganc fará prova de grande prêmio de CDI 3*  da semana sete do Adequan Global Dressage Festival (AGDF) em Wellington, Flórida (EUA). Os brasileiros disputam as provas com meta de alcançar os requisitos mínimos de elegibilidade (MER, na sigla em inglês para minimum eligibility requirements) e conquistar a vaga individual para representar o Brasil nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 (leia todas as matérias). Leia mais

De olho na vaga paralímpica, equipe do Canadá soma 416.313 pontos no AGDF

O time do Canadá de paraequestre somou 416.313 pontos na terceira semana do Adequan Global Dressage Festival (AGDF), que está sendo realizado em Wellington (Estados Unidos).  Canadá e Brasil estão brigando pela cota por equipe nos Jogos Paralímpicos de Tóquio. Os três países mais bem colocados das regiões África, Américas, Ásia, Europa e Oceania obtém uma cota para seus respectivos países, independentemente do grau. Leia mais