Categoria: Entrevista

Lima 2019: equipe brasileira diz que cumpriu objetivo e mira preparação para Tóquio 2020

Lima, Peru — Com a vaga para os Jogos Olímpicos de Tóquio conquistada, a equipe medalha de bronze falou à imprensa que cobriu os Jogos Pan-Americanos de Lima, nesta segunda-feira 29/08, que o objetivo foi alcançado. Questionados por Adestramento Brasil sobre como será a preparação para a Olimpíada, João Paulo dos Santos, melhor resultado do Brasil nas duas provas que levaram o time ao pódio, disse que agora é seguir trabalhando. “Claro que têm alguns cavalos de GP já e os que não têm vamos colocar para cima. Agora é trabalhar forte”. Leia mais

Lima 2019: entrevista exclusiva com Maribel Alonso, delegada técnica de adestramento no Pan

Lima, Peru — Além de juíza internacional FEI 5*, Maribel Alonso é a delegada técnica para adestramento nos Jogos Pan-Americanos de Lima 2019. De modo geral, ela é responsável por fazer com que as competições sigam as regras da Federação Equestre Internacional (FEI). Alonso é mexicana e, nos Jogos Olímpicos do Rio 2016, foi a presidente do júri. Ela recebeu Adestramento Brasil para uma entrevista exclusiva no dia 26/07, assim que acabou a inspeção veterinária. Confira a seguir os principais trechos. Leia mais

Lima 2019: Sandra Smith, da CBH, avalia estreia do Brasil nas provas de PSJ e GP

Lima, Peru —  “Todos eles montaram bem. O Pedro [Tavares de Almeida] teve dois erros que custaram muito caro e em figuras peso dois e acabou sendo nosso descarte, mas ainda estamos com dois pontos na frente do México e com chance de medalha. Amanhã nós vamos buscar”, disse Sandra Smith, diretora de adestramento da Confederação Brasileira de Hipismo (CBH) e chefe da equipe brasileira, em entrevista à imprensa ao término das provas de São Jorge e grande prêmio nos Jogos Pan-Americanos de Lima 2019. Ela avaliou o desempenho dos conjuntos brasileiros, falou sobre a escolha da equipe, o julgamento das provas e a estratégia para as provas do segundo dia. Leia mais

“Não é com apenas uma vitória ou uma derrota que se constrói uma carreira”, ensina Leandro Silva

O sonho que faltava para Leandro Silva foi vivido no ano passado, quando ele e DiCaprio representaram o Brasil nos Jogos Equestres Mundiais. Era a grande competição que o atleta ainda não tinha participado e que agora consta no currículo ao lado dos Jogos Olímpicos de Pequim 2008, três Pan-Americanos (Santo Domingo 2003, Guadalajara 2011 e Toronto 2015, conquistando medalha de bronze por equipe e 6º no individual) e do Sul-Americano do Chile 2014, quando o Brasil levou o ouro por equipe e ele, o bronze individual. Agora, Leandro e seu companheiro de longa data DiCaprio estão no Peru, na expectativa de integrar a equipe oficial que entra em pista representando o Brasil nos Jogos Pan-Americanos de Lima 2019.
Leia mais

João Victor Oliva: “ter medalha motiva a levar outra pra casa”

A vida de João Victor Marcari Oliva deu uma reviravolta. O cavaleiro que, até então, residia na Europa treinando e competindo cavalos de sua criação, passou o primeiro semestre no Brasil. A razão é fácil de entender: Oliva foi chamado para montar Biso das Lezírias, puro sangue lusitano importado de Portugal após Barbara Laffranchi o adquirir e que fora montado por Maria Caetano. O plano era colocá-lo nos concursos de adestramento internacionais, os CDIs 2* que serviram de observação para a seleção do Time Brasil nos Jogos Pan-Americanos de Lima 2019. Deu certo: hoje Oliva e Biso estão em Lima, convocados entre os cinco conjuntos da equipe brasileira.
Leia mais