Categoria: Paraequestre

SP pode ter seletiva para formar equipe para o Brasileiro Paraequestre

São Paulo vai competir por equipe no Campeonato Brasileiro de Adestramento Paraequestre, que será realizado em Brasília de 15 a 18 de agosto. O diretor de paraequestre da Federação Paulista de Hipismo, Syllas Jadach, não descarta uma eventual seleção para escolher os atletas que representarão o Estado, devido ao aumento no número de praticantes da modalidade. “Fico feliz por um lado e preocupado por outro, mas talvez seja o caso de fazer uma seletiva para a equipe de SP”, disse. “Também podemos ter cavaleiros avulsos, que é o que a gente espera.”
Leia mais

Na busca por classificação para Tóquio 2020, paraequestre brasileiro vence em Hartpury

O time brasileiro de adestramento paraequestre teve vitórias no Hartpury Festival of Dressage, na Inglaterra. Os atletas estão tentando colocação para garantir a participação da equipe nos Jogos Paralímpicos de Tóquio no ano que vem. Sergio Oliva com Coco Chanel M venceu no grau 1 com 72,786% e ficou em 3º no estilo livre com 70,933%. No grau 4, Rodolpho Riskalla e Don Henrico venceram com 72,400% no grau 4 e no freestyle (76,860%). “Brasil conseguiu ficar em segundo por equipes e estou feliz de ter conseguido ajudar o Brasil a subir de pontuação no Ranking FEI. Continuamos na busca da vaga para Tóquio 2020 por equipes”, disse Oliva ao Adestramento Brasil após as provas de quarta 3/7.
Leia mais

Projeto de lei que regulamenta equoterapia aguarda sanção presidencial

O projeto de lei que regulamenta a equoterapia, aprovado pelo Senado e aguardando sanção presidencial, foi bem-recebido pela comunidade. Para a diretora de adestramento paraequestre da Confederação Brasileira de Hipismo, Marcela Parsons, é importantíssima a aprovação do PLS. “Ele pode ajudar a implementar e a fomentar ainda mais o desenvolvimento da equoterapia do País, levando ao aumento de atletas do paraequestre e aumentando a quantidade de instrutores de equitação qualificados nos centros de equoterapia”, afirmou. Leia mais

Brasileiro do paraequestre será em agosto; foco da CBH está nas seletivas para Tóquio

ATUALIZADA* – O Campeonato Brasileiro de Adestramento Paraequestre vai ocorrer de 2 a 4 de agosto em Brasília, já que no primeiro semestre o foco da Confederação Brasileira de Hipismo estará voltado para a qualificação do Brasil para os Jogos Paralímpicos de Tóquio 2020. “Temos um processo longo de qualificação e o sistema está muito difícil para a gente, então, neste primeiro semestre estaremos focados em qualificar a equipe. Temos dois atletas em alto nível que podem nos ajudar muito, que são o Rodolpho Riskalla e o Sergio Oliva”, disse a diretora do paraequestre da CBH, Marcela Parsons. Leia mais

FPH promove curso de formação de juízes paraequestres

A Federação Paulista de Hipismo (FPH) organizou um curso de formação de juízes paraequestres em São Paulo, de 22 a 24/03. As aulas serão ministradas no CHSA pelo juiz de paraequestre da Federação Equestre Internacional Arnaldo Conde Filho. Leia mais