João Victor Oliva: “Europa é o polo do adestramento; é onde temos de ficar”

João Victor Oliva está há quase quatro anos morando, treinando e competindo na Europa. “Lá é o lugar onde tem mais concorrência, melhores treinadores e melhores competições. É o polo do adestramento e onde a gente tem de ficar, se a gente quer ser alguma coisa neste esporte”, disse em entrevista em vídeo ao Adestramento Brasil.

O cavaleiro fez um balanço das provas deste ano e revelou seus objetivos para 2018. Victor Oliva já tem índice exigido pela Federação Equestre Internacional (FEI) para disputar uma vaga na equipe brasileira nos Jogos Equestres Mundiais (WEG, na sigla em inglês). Atualmente, ele com sete cavalos na Europa, sendo quatro mais novos e três adiantados.

Victor Oliva integrou a equipe brasileira nos Jogos Olímpicos Rio 2016 e foi medalhista de bronze por equipe no Pan-Americano de Toronto, em 2015. O brasileiro também representou o Brasil nos Jogos Equestres Mundiais da Normandia (França) em 2014, ano quando foi medalha de outro individual e por equipe nos Jogos Sul-Americanos de Santiago.

Confira a integra da entrevista:

2 thoughts on “João Victor Oliva: “Europa é o polo do adestramento; é onde temos de ficar””

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s