Sarah Waddell vence novamente a São Jorge com Quixote Bojangles

Em sua segunda prova com Quixote Bojangles, Sarah Waddell repetiu o feito da última apresentação e ganhou a prêmio São Jorge, na série forte 2 categoria sênior, na segunda etapa do Ranking de Adestramento da Sociedade Hípica Paulista (SHP). A etapa reuniu 54 conjuntos, sendo mais que a maioria amadores e 38 representando o próprio clube, nesse sábado 14 de abril.  

calhau_interno

“Hoje senti que consegui explorar mais ele [Quixote Bojangles]. Esta prova foi bem interessante para prepará-lo para o CDI de Tatuí”, contou. Waddell disputará small tour no concurso de adestramento internacional (CDI3*), que ocorre entre 26 e 29 de abril Centro Hípico de Tatuí (interior de São Paulo).

A amazona pontuou 67,222% na PSJ. Em segundo, Alexandre Morais de Oliveira, com Rendsgards Lathago, fez 66,616%. Leandro Silva apresentou dois animais na São Jorge: com Bruno Belíssimo pontuou 65,808% e com Dom Pedro do Top fez 62,222%. No grande prêmio, Mauro Pereira da Silva Júnior foi o único concorrente. Ele apresentou Banzai AMM e teve nota final de 64,926%.

As provas acima de média 1 foram julgadas pela juíza internacional 4* e diretora de adestramento da Confederação Brasileira de Hipismo, Sandra Smith; Sonia Hanssen e Marcio Navarro de Camargo. Na pista dois, onde competiram cavalos novos, pônei, iniciante, elementar e preliminar, os juízes foram Lindinha Macedo e Sergio de Fiori.

Para Smith, está havendo evolução no adestramento. “Hoje, vi alguns cavalos muito interessantes no que concerne à qualidade, porque, às vezes, tem correção, mas precisa de qualidade e vi muitos cavalos de qualidade e corretos. Alguns, das séries mais baixas, precisam acertar o contato”, destacou acerca dos conjuntos que julgou.

“A temporada está começando um pouco mais tarde, até por causa das seletivas. Colocar os cavalos nestas provas [de ranking] é importante para testar a evolução do que foi trabalhado nas férias. Estou vendo principalmente correção e qualidade nas provas mais altas e isto é muito bom”, completou a juíza e diretora da CBH.

Alexandre Morais de Oliveira, diretor de adestramento da SHP, explicou que, na prova de sábado, uma das pistas acabou ficando com dois, e não três juízes, porque planejou-se que competiriam cerca de 30 conjuntos. “Eu pensei uma coisa e saiu outra. Calculei 30 conjuntos e vieram quase 60; então, tive de colocar, de última hora, o segundo picadeiro, que acabou ficando com dois juízes”, explicou, completando que a ideia é manter a política de ter três juízes por pista. 

A maior nota final na categoria escola foi de Valentina Toledo montando Teco na série pônei (81,842%). Em amador, com 69,500%, a nota final mais alta ficou para Sophie Vergamini Alloza, que montou Teco pela escola da SHP na série iniciante. Em profissional, Cristiano Augusto da Silva com First Lady AMM somou 69,167% na série preliminar.

Veja os resultados da 2ª etapa do Ranking SHPWhatsApp

Foto: divulgação

 

Anúncios

3 respostas para ‘Sarah Waddell vence novamente a São Jorge com Quixote Bojangles’

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.