Conheça os principais tópicos debatidos na reunião do board da FEI

“A unidade e o trabalho em equipe entre os membros da comunidade equestre, parceiros esportivos e patrocinadores foram grandes lições da pandemia Covid-19 e do recente surto de EHV-1”, destacou o presidente da Federação Equestre Internacional (FEI), Ingmar De Vos, na abertura da reunião do conselho da entidade. No encontro virtual, foram debatidos temas como o reconhecimento oficial dos tratadores; as qualificações para os Jogos Olímpicos e Paralímpico de Paris 2024, além de propostas importantes e mudanças nas regras que irão ser colocadas à votação na Assembleia Geral da FEI de 2021, incluindo o futuro de rédeas dentro da FEI e uma estrutura de membros atualizada.


Apoie_AB

Informação bem apurada, confiável e relevante faz toda a diferença. Enquanto agradecemos a todos apoiadores e anunciantes do site, reforçamos que precisamos da colaboração de pessoas como você para seguir com a produção editorial.

Clique e seja um apoiador via Paypal. Você que escolhe o valor!

Você também pode contribuir anunciando ou fazendo Pix (contato@adestramentobrasil.com)


Confira a seguir, os principais tópicos debatidos na reunião – leia a íntegra do documento aqui.

EHV-1
A Secretária Geral da FEI, Sabrina Ibáñez, informou aos membros do Conselho que os 136 eventos que ocorreram em todas as sete disciplinas no início de junho de 2021 são um bom sinal de um retorno progressivo à normalidade. Foi também fornecida uma atualização sobre o Fundo de Socorro EHV-1, confirmando que 76,8% dos pedidos de financiamento foram satisfeitos graças à “generosidade e notável solidariedade da comunidade”.

ELEIÇÕES 2021
O Comitê de Nomeações da FEI se reuniu no dia 26 e 27 de maio para analisar todas as candidaturas para as posições em aberto. Todos os pretendentes a cargos atenderam aos critérios de especificações de trabalho. A lista está aqui para conferir quem são eles.

ASSEMBLÉIA GERAL FEI 2021
O Conselho da FEI aprovou a desistência de Johanesburgo, na África do Sul, de sediar a Assembleia Geral da FEI de 2021 em virtude da evolução da Covid-19 no país. O Conselho determinou que a FEI estude a possibilidade de organizar uma Assembleia Geral híbrida em 2021, na qual s delegados teriam a possibilidade de ingressar online ou pessoalmente. O Conselho da FEI também aprovou o adiamento de uma decisão sobre o país anfitrião da FEI
Assembleia Geral em 2022 até uma data posterior.

FUTURO DAS RÉDEAS
O Conselho foi atualizado pelo Presidente e pelo Presidente do Comitê de Rédeas nas últimas consultas com as Federações Nacionais e discussões que foram realizadas com a NRHA sobre os termos gerais de um programa legado para o esporte. O Conselho aprovou os termos gerais deste programa legado, incluindo mudanças sugeridas pelas Federações Nacionais. Mudanças nos Estatutos da FEI e outras Regras e Regulamentos da FEI para remoção de rédeas como uma disciplina da FEI serão aprovadas na Assembleia Geral da FEI em novembro 2021.

PARIS 2024
O Conselho aprovou a proposta do sistema de qualificação equestre Paris 2024 para as três modalidades olímpicas de salto, adestramento e CCE, bem como para o paraequestre. O sistema de qualificação atual foi revisado, sendo baseado nos princípios da universalidade, na participação dos melhores atletas, no igual número de oportunidades de qualificação para todas as nações, vagas de cota atribuídas a uma nação e não a um indivíduo específico e, finalmente, o requisito para combinações de atleta / cavalo de Nações qualificadas para obter o (s) MER (s) necessário (s) para se qualificar para participar como parte de uma equipe ou como um indivíduo, como um processo separado. A cota geral para modalidades equestres em Paris 2024 permanece inalterada com 200 conjuntos.

TÓQUIO 2020
O prazo para as nações qualificadas apresentarem seus Certificados de Capacidade é 21 de junho. Houve algumas desistências no adestramento e em CCE que a FEI está atualmente em processo de realocação. Essas realocações precisarão ser aprovadas pelo COI. Desafios dizem respeito a como levar pessoas e cavalos para os Jogos Olímpicos como resultado das restrições da Covid-19, incluindo a entrada na Alemanha da Grã-Bretanha (GBR) para o centro de quarentena de pré-exportação de Aachen (PQC), bem como outras restrições sobre indivíduos que residem em países específicos considerados, atualmente, de alto risco para Covid-19. O Conselho aprovou duas resoluções de emergência com relação a acesso às baias e número de pessoas.


Uma resposta para “Conheça os principais tópicos debatidos na reunião do board da FEI”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.