Giovana Pass estreia com Eleito em CDI3* e mira Tóquio 2020

Giovana Pass estreou sua nova montaria Eleito Plus em concurso de adestramento internacional (CDI3*) classificando-se em terceiro lugar tanto na prova prêmio São Jorge quanto na intermediária 1. Depois de passar janeiro treinando em Portugal com Paulo Caetano, Pass retornou, na semana passada, à Europa para disputar o CDI3* Arena Dressage, realizado em Toledo, na Espanha, de 9 a 11 de março.

“Compramos o Eleito no ano passado e, em janeiro, tive minha primeira oportunidade de treinar com ele, pois fiquei o mês todo lá [em Portugal]. Fizemos uma prova nacional e gostei do resultado, que foi acima dos 69% na PSJ. Agora, na Espanha, foi a nossa primeira prova internacional. Fiquei bastante satisfeita, pois mantivemos perto dos 69% e com juiz cinco estrelas passamos dos 70% nos dois dias de prova”, contou ao Adestramento Brasil.

calhau_interno

O júri de campo do CDI3* contou com dois juízes internacionais 5*, o alemão Peter Holler e o espanhol Francisco Guerra Díaz. Pass obteve nota final de 68,412% na PSJ, sendo 70,882% com Holler e 68,088% com Guerra. Na inter 1, o conjunto pontuou 68,000% e recebeu 70,312% de Holler e 66,250% de Guerra.

Peter Holler julgará o CDI3*, que ocorre entre 26 e 29 de abril Centro Hípico de Tatuí (interior de São Paulo), ao lado de três juízes FEI 4* e de um juiz FEI 3*. O alemão também fará uma palestra durante o evento e após as competições, nos dias 30 de abril e 1° de maio, ministrará uma clínica.

Giovana Pass treina com o Paulo Caetano desde 2011 e vai mais de uma vez por ano a Portugal para montar. “Já cheguei a ter três cavalos lá e, no momento, tenho apenas o Eleito. Eu sei que ainda há muitas coisas a melhorar, portanto, nossa expectativa é de estar logo acima dos 70%”, afirmou.

“Acredito que o Eleito estará pronto para o Pan-Americano, mas nosso objetivo é colocá-lo no grande prêmio e quem sabe ser um candidato a Tóquio. Nos cavalos nunca sabemos, temos que ir trabalhando e dando o nosso melhor”, completou.

O espanhol José Martin Dockx Martín, que apresentou o garanhão pura raça espanhola (P.R.E.) Ataturc HGF, venceu a PSJ com 71,118%. O segundo lugar ficou para María Valvanera Palacios Ortuño, que montou a égua C.D.E Goya A e somou 69,323%. Na inter 1, o campeão foi também José Martin Dockx Martín, com Ataturc HGF (70,188%), seguido da portuguesa Maria Caetano, que montou o lusitano Flamenco (70,031%).

IMG-20180312-WA0010.jpg

Eleito Plus foi adquirido no segundo semestre do ano passado. Lusitano nascido em 2009, ele é filho de Peralta Pinha e Sinfonia. O animal, de criação da Dressage Plus, do Vasco Freire, é uma aposta para substituir, quando chegada a hora, Zingaro de Lyw, com quem Giovana Pass competiu os Jogos Olímpicos Rio 2016.

O terceiro lugar em cada uma das competições rendeu à brasileira 340 euros. No total, o CDI3* de Toledo distribuiu 10.040 euros para os conjuntos mais bem-colocados em determinadas provas. A inscrição custou de 415 a 440 euros por conjunto dependendo da série.

Leia também

Fotos: divulgação / crédito: Rui Godinho

Anúncios

Uma resposta para “Giovana Pass estreia com Eleito em CDI3* e mira Tóquio 2020”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.