Tag: Flamarion Pereira da Silva

5 perguntas para Flamarion Pereira da Silva

Eleito representante de atletas na vaga do paraequestre, Flamarion Pereira da Silva compartilhou o que pretende fazer no cargo. “Vou lutar em prol do hipismo, em particular, o paraequestre”, disse ele, que ressaltou a necessidade de ouvir os atletas da modalidade e “levar a sério a opinião da maioria”. Adestramento Brasil está entrevistando os eleitos pelo adestramento e paraequestre. São as mesmas perguntas a todos, enviadas por mensagem e reproduzidas na íntegra. Confira a seguir as respostas de Flamarion Silva.

Continue lendo “5 perguntas para Flamarion Pereira da Silva”

Sarah Waddell e Vinicius Miranda concorrem à vaga de representantes de atletas da CBH

ATUALIZADA* – Sete novos representantes de atletas da Confederação Brasileira de Hipismo (CBH) serão escolhidos, no próximo dia 29 de abril, por meio de votação eletrônica. A lista de candidatos provisoriamente aceitos continha 14, número que caiu para 13, após a divulgação da relação final e definitiva de candidatos. Do adestramento, disputam vaga Sarah Waddell e Vinicius Miranda da Costa e, pelo paraequestre, Flamarion Pereira, Rodolfo Lucas e Sergio Oliva. Os eleitos ficarão no cargo até o primeiro quadrimestre de 2025.

Continue lendo “Sarah Waddell e Vinicius Miranda concorrem à vaga de representantes de atletas da CBH”

Observatórias do paraequestre classificam três atletas para CPEDI na Europa

Vera Lucia Martins Mazzalli (grau 1), Flamarion Pereira da Silva (grau 3) e Thiago Fonseca dos Santos (grau 5) foram os atletas classificados nas observatórias para ir à Europa disputar provas internacionais (CPEDI) com o objetivo de obter os requisitos necessários para competir nos Jogos Mundiais de Herning, na Dinamarca, em agosto. O Time Brasil pode ter quatro conjuntos. Rodolpho Riskalla, medalha de prata nos Jogos Paralímpicos de Tóquio, e Sérgio Oliva estão escalados para a equipe e ambos já preencheram o requisito mínimo de elegibilidade para poder participar.

Continue lendo “Observatórias do paraequestre classificam três atletas para CPEDI na Europa”

CBH atualiza regras para seleção da equipe do Paraequestre para Hering 2022

A Confederação Brasileira de Hipismo atualizou as regras para a seleção da equipe que representará o Brasil no Campeonato Mundial de Adestramento Paraequestre, o ECCO FEI World Championships, que ocorre em agosto em Herning, na Dinamarca. Em novo comunicado, a CBH esclareceu que as provas qualificatórias de março em São Paulo, Minas Gerais e Brasília apontarão dois atletas, que se somarão aos dois já qualificados por meio do Campeonato Brasileiro de Adestramento Paraequestre de 2021. Um máximo de quatro atletas, daí, participarão de um CPEDI na Europa, em local e data a serem definidos, para, assim, serem escolhidos os dois que complementarão o Time Brasil. Todos disputando o Mundial precisam obter MER, o requisito mínimo de elegibilidade.

Continue lendo “CBH atualiza regras para seleção da equipe do Paraequestre para Hering 2022”

Brasileiro de Paraequestre tem mais estados na disputa; dois são selecionados para Time Brasil

O Campeonato Brasileiro de Adestramento Paraequestre movimentou o Brasília Country Club de 4 a 7 de novembro. Contando todos os cinco graus e os novatos, competiram 21 conjuntos representando três estados — São Paulo, Goiás e Minas Gerais — mais o Distrito Federal. Brasília, aliás, que é tradicional na modalidade, levou os títulos de campeã e vice-campeã por equipe. Para a diretora da CBH para paraequestre, Marcela Parsons, o nível dos atletas melhorou.

Continue lendo “Brasileiro de Paraequestre tem mais estados na disputa; dois são selecionados para Time Brasil”